A glutamina é considerado como o aminoácido livre mais abundante do organismo humano,
não é atoa que a sua atuação é prevalente em diversos tecidos corporais. Em sua essência
ela é caracterizada como um aminoácido condicionamente essencial, ou seja, o corpo até
produz, mas em situações de perturbações homeostatica como o estresse oxidativo,
situações de enfermidade ou alto requerimento do trabalho corporal, os estoques de
glutamina sofrem alterações, nescessitando de uma reposição através da alimentação ou
suplementação.

A renovação do epitelial do intestino ocorre a cada cinco dias, tornando-o como um dos
tecidos com maior potencial de renovação, sendo esta renovação coordenada por
hormônios e fatores de crescimento. Após o início das vias de sinalização para a renovação
celular, células troncos residentes na cripta intestinal são recrutadas e se diferenciam em
enterócitos, células caliciformes e células de Paneth. O papel da glutamina na saúde
intestinal atravessa diversas vias metabólicas, sendo uma delas a ativação de diversas
proteínas quinases ativadas por mitógenos (MAPK), que são responsáveis pela proliferação
e diferenciação celular. Ademais, a glutamina auxilia na proliferação a partir do seu efeito no
aumento da atividade de fatores de crescimento como o fator de crescimento epidérmico
(EGF), o fator de crescimento semelhante à insulina-I (IGF-I) e o fator de crescimento
transformador-alfa (TGF-alfa).

Alem dos benefícios supracitados, a glutamina atua no controle do estresse oxidativo e do
processo inflamatório intestinal, uma vez que esses dois estímulos associados possuem
impactos na saúde do epitélio, bem como na influência da renovação celular.estudos em
humanos reforçam o efeito benéfico da utilização do aminoácido na dose média de 5g, no
entanto, os melhores resultados para a modulação intestinal são acima de 15g.

“Esse texto foi escrito por Michel Sueira, baseado em artigos científicos. Todo material utilizado pode ser disponibilizado quando requerido. Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@certosaude.com.br”

Posts Similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *